Treinamento

6 tendências de treinamento essenciais para sua empresa

julho 17, 2018
6 tendências de treinamento essenciais para sua empresa

A alta competitividade e a necessidade de especialização da mão de obra têm levado empresas a investir em tendências de treinamento, focando na qualificação como diferencial de mercado.

O investimento em treinamento se faz necessário por duas razões:

  • a primeira está relacionada a formar profissionais com o perfil da empresa, para atuarem em cargos e atividades específicas;
  • a segunda é qualificar a mão de obra para atuar no time da organização.

As habilidades e competências passaram a ser altamente valorizadas e reconhecidas dentro da empresa.  Independentemente do tamanho ou segmento de atuação, principalmente para a inserção dos valores da companhia e para um melhor aproveitamento nas funções.

Nesse contexto, a tecnologia tem dado um empurrãozinho no desenvolvimento de tendências de treinamentos.

Elas  tornam os processos mais produtivos e oferecem uma visão mais ampla para determinar com maior exatidão quais os perfis ideais para cada cargo, além de quais as competências e características que devem ser exercidas. Construindo assim, equipes de alto desempenho.

Preparamos este post para ajudar você a conhecer melhor as tendências de treinamento e saber como podem ajudar a sua empresa a alcançar equipes de alta performance. Boa leitura!

1. Gamificação

A gamificação (em inglês gamification), apesar de parecer estranho, já é bastante difundida no dia a dia das pessoas e está presente em praticamente tudo o que fazemos em nossas vidas.

De maneira simplista, gamificação é o uso de mecânicas e dinâmicas de jogos para promover o engajamento entre as pessoas, resolver problemas e melhorar o aprendizado.

Ela motiva a tomada de atitudes e adaptação de comportamentos em ambientes compartilhados.

Ao instigar os participantes a participarem dos jogos e dos desafios propostos, passa-se a ter um maior engajamento entre os participantes, despertando a curiosidade e o trabalho em equipe. Além disso, na gamificação as recompensas também são itens cruciais para o sucesso.

Muitas empresas têm avaliado a gamificação como uma abordagem extremamente eficaz, quando bem aplicada. Isso porque no treinamento com a utilização dos jogos se incorporam elementos de competição, recompensas e feedbacks, tornando-se excelentes atrativos para manter os participantes mais interessados e participativos.

2. EAD

A falta de oportunidades para avançar na carreira é uma das principais razões que fazem com que colaboradores deixem uma empresa. Por isso, entre as grandes tendências de treinamento tem se destacado a educação a distância.

Investir em capacitação educacional é um meio de garantir maior engajamento. Como a maioria das pessoas usa smartphones e outros dispositivos móveis, o acesso a cursos e capacitações online se torna mais fácil e rápido.

Vale destacar que algumas empresas têm as chamadas curadorias de conteúdo. A função dessa área é selecionar materiais e organizá-los em plataformas digitais, de modo a serem entregues aos funcionários para utilização no autodesenvolvimento de acordo com o assunto de interesse e da área de atuação.

3. Inteligência artificial

A Inteligência Artificial (IA) já é uma realidade. Ela está ganhando cada vez mais espaço em diferentes segmentos e aplicações — e na área de treinamento não é diferente. Afinal, a tecnologia está se afirmando como uma importante aliada no preparo de conteúdos exclusivos e personalizados.

Com a tecnologia, uma série de invenções já fazem parte do dia a dia das empresas, como os equipamentos automatizados. Tais recursos e inovações demonstram o quanto usar a IA nos treinamentos está em alta.

Com a mobilidade e a interatividade do robô, o chamado e-learnig e o treinamento colaborativo ganham novos contornos, tornando-se mais participativos e divertidos.

Hoje, já existem ambientes de aprendizagem online. Os instrutores virtuais são capazes de analisar a capacidade de compreensão dos participantes e definir com exatidão quais as preferências de temas de estudo, as dificuldades e facilidades, os temas que devem ser reforçados e os que já foram bem assimilados.

Outro bom exemplo é o uso da realidade virtual e da realidade aumentada, que possibilitam que o funcionário participante ativamente da situação, vendo na prática os conceitos aprendidos e assimilando o conteúdo com maior facilidade.

4. Personalização do treinamento

É importante destacar que de nada adianta investir na tecnologia certa se o conteúdo está errado. É preciso usar as ferramentas de acordo com o perfil de cada colaborador, com base nas suas experiências e habilidades.

A aprendizagem personalizada é o que definirá a cultura e os valores de uma empresa.

Ao implementar o aprendizado personalizado o empreendedor passa a ter uma melhor comunicação com seu colaborador. Entregando conteúdos customizados e adaptados de acordo com as necessidades do negócio possibilita o melhor entendimento das demandas dos clientes e adequação dos programas ao perfil de cada um.

Enquanto isso, a maioria dos treinamentos oferecidos no mercado tem conteúdo e carga horária pré-definidos.

Quando a empresa personaliza seus programas de capacitação investe no aprendizado com foco no desenvolvimento. Ou seja, consegue desenvolver as habilidades psicológicas dos colaboradores e garante maior nível de engajamento, além de ganhos de conhecimento e compreensão.

5. Webinars

Nem sempre é possível reunir os funcionários para participar de treinamentos presenciais. E o uso de webinars tem sido a grande aposta de empresas para reter a atenção durante a realização do encontro virtual.

Na prática, durante a transmissão de um webinar o participante está imerso no conteúdo repassado, sendo uma forma dinâmica e interativa de capacitação.

6. Social learning

A adoção do social learning, que graças às novas tecnologias e ferramentas possibilita o acesso online e o compartilhamento de materiais entre os mais diversos participantes. Essa tem sido uma aposta de ouro entre as tendências de treinamentos.

Nesse tipo de tecnologia os conteúdos aprendidos podem ser compartilhados entre os diversos usuários. É só usar um mix de ferramentas virtuais que incluem vídeos, postagens em redes sociais e até mesmo encontros online. Bacana, não?

Investir nas tendências de treinamento é uma excelente maneira de alinhar o profissional com os objetivos da empresa. Além de beneficiar o cliente, que passa a receber uma mensagem correta, melhorando a imagem da marca — ou seja, impactando positivamente nos resultados de vendas da organização.

Nosso conteúdo foi útil? Quer ficar por dentro de todas as nossas novidades? Então curta nossa página no Facebook. Corra lá e faça parte da nossa rede de amigos!

You Might Also Like

1 Comment

  • Responder Mercado de Eventos: conheça as principais tendênciasBlog Atelie de Eventos | Eventos corporativos agosto 7, 2018 at 10:06 am

    […] gamificação também é uma ferramenta moderna e em alta e que permite a interação entre as pessoas de forma […]

  • Leave a Reply